Na ponta do lápis: desperdício devido ao armazenamento incorreto

Na ponta do lápis: desperdício devido ao armazenamento incorreto

Você sabia que o armazenamento incorreto pode acarretar desperdício de alimentos e consequentemente perda financeira para o seu negócio? Todos os anos centenas de estabelecimentos de grande, médio e pequeno porte têm prejuízos devido ao mau armazenamento, seja por meio de produtos que passam da validade devido à falta de controle de estoque, ou por não adequar o armazenamento ao tipo de produto produzido e/ou vendido, gerando até mesmo multas por vezes altíssimas.

Sabendo disso, a CONPLEQ – Consultoria preparou um breve texto que te ajudará a entender a importância do armazenamento correto e suas vantagens.

Afinal, o que é armazenamento?

De acordo com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), tecnicamente, o armazenamento é “o conjunto de atividades e requisitos para obter-se uma correta conservação de matéria-prima, insumos e produtos acabados”. Resumindo, é tudo o que está atrelado a conservação do alimento independente do seu estágio de produção. Vale ressaltar que as formas de armazenamento são variadas e, dependendo do tipo de alimento, ele vai estar sujeito à possíveis condições específicas de temperatura e/ou presença ou não de iluminação.

Prejuízos de um mal armazenamento

Sabe quando você faz as compras do mês e depois estoca tudo isso no armário ou na geladeira da sua casa? Já percebeu que quando você não organiza a forma de armazenar esses alimentos você fica mais propenso a esquecê-lo ali e quando lembra já corre o risco de ter passado da validade ou ter estragado?

Agora imagine isso em pequenos, médios e grandes estabelecimentos (lanchonetes, mercados, padarias, etc.) e até mesmo em indústrias. Um armazenamento mal feito pode acarretar em grande desperdício.

Em 2013 o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) quantificou as perdas dos principais grãos da agricultura brasileira e eles descobriram que 10% desses grãos são perdidos, sendo um dos principais motivos o armazenamento incorreto. Casos parecidos com este também são encontrados em estabelecimentos de médio e pequeno porte. Segundo reportagem do Jornal O Extra, em 2014 duas lanchonetes foram interditadas no bairro de Vila Isabel – RJ por conta da má conservação dos alimentos. Mais de 110 kg de alimentos foram recolhidos ao total e, além disso, foi aplicada uma multa, totalizando cerca de R$ 12.000,00 para cada lanchonete em prejuízos. Casos como esses são recorrentes e causam perdas financeiras consideráveis, diminuindo, assim, de forma significativa a margem de lucro de uma empresa. Daí a grande importância do armazenamento correto, que minimiza essas perdas e acarreta em várias vantagens.

Quais são as vantagens?

Além de organizar melhor os seus produtos e/ou matérias-primas diminuindo perdas desnecessárias e consequentemente prejuízo no seu caixa, vale ressaltar que o armazenamento de forma correta em estabelecimentos comerciais é requerimento exigido por lei. Sua aplicação efetiva evita, portanto, mais perdas econômicas por possíveis multas e, claro, estar de acordo com a lei aumenta a credibilidade da empresa. Existe um manual que funciona como guia para o estabelecimento de como armazenar o(s) seu(s) produto(s) que são as Boas Práticas de Armazenamento, sendo esse uma parte específica do manual das Boas Práticas de Fabricação (BPF).

A BPF é personalizada para cada estabelecimento, pois cada um trabalha com produtos e matérias-primas distintas sendo as formas de manusear e conservar também distintas. A Portaria SVS/MS nº 326/97 estabelece os requisitos gerais sobre as condições higiênico-sanitárias e de Boas Práticas de Fabricação para estabelecimentos produtores/industrializadores de alimentos. Além dela, o ato normativo RDC nº 275/2002 complementa a mesma, e trata do necessário controle contínuo do manual BPF. Quer saber mais sobre o que é e qual a importância da implementação do BPF? Então não deixe de dar uma conferida no link abaixo.

http://www.conpleq.com.br/bpf-por-que-fazer-um/

Agora ficou mais clara a importância do armazenamento correto desde seu pequeno negócio, da sua casa, até as grandes indústrias, certo? Percebeu o quanto você pode economizar evitando perdas desnecessárias? Fique por dentro do nosso blog e confira outras vantagens e benefícios conferidos pelas Boas Práticas de Fabricação!

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *